5 factos que não sabia sobre a IA

A inteligência artificial (IA) é uma das áreas tecnológicas em mais rápida evolução que está a redefinir o panorama da inovação em inúmeros sectores. Embora muitos estejam familiarizados com os conceitos básicos de IA, existem vários aspectos surpreendentes e menos conhecidos. 

Com este artigo do ENEB, vai descobrir cinco factos fascinantes sobre a inteligência artificial que o podem surpreender.

1. origens históricas da IA

A ideia de máquinas inteligentes é muito mais antiga do que a maioria das pessoas imagina.

Os primeiros passos no século XX

Embora a IA, tal como a conhecemos hoje, tenha começado a desenvolver-se na década de 1950, as suas raízes conceptuais remontam ao início do século XX. Até filósofos como Aristóteles e lógicos como George Boole lançaram as bases teóricas que acabariam por conduzir ao desenvolvimento da IA.

2. a IA e a criatividade artística

A inteligência artificial não se limita a tarefas lógicas ou matemáticas; também se aventurou no domínio da criatividade.

Geração de arte e música

Contrariamente à crença popular de que a IA só é capaz de realizar tarefas baseadas em regras, foram criados sistemas de IA para compor música, criar obras de arte e até escrever poesia. Este facto desafia o nosso entendimento tradicional da criatividade como uma qualidade exclusivamente humana. 

3. Impacto ambiental da IA

A inteligência artificial tem um impacto significativo no ambiente, algo que é frequentemente ignorado.

O custo energético do treino da IA

O processo de treino dos modelos de IA mais avançados pode consumir uma quantidade considerável de energia, por vezes equivalente ao consumo anual de energia de pequenas cidades. Este facto levanta questões importantes sobre a sustentabilidade e a eficiência energética no domínio da IA. 

4. A IA na natureza

A IA não se destina apenas a laboratórios e escritórios; tem aplicações surpreendentes no mundo natural.

Monitorização e conservação do ambiente

Os sistemas de IA estão a ser cada vez mais utilizados em projectos de monitorização ambiental e de conservação da vida selvagem. Podem analisar grandes conjuntos de dados, desde padrões meteorológicos a movimentos de animais, ajudando nos esforços de conservação e na luta contra as alterações climáticas.

5. IA e ética

A inteligência artificial levanta questões éticas únicas e difíceis.

Decisões morais e preconceitos

Desde as decisões morais nos veículos autónomos até ao risco de enviesamento no tratamento de dados, a IA confronta-nos com dilemas éticos sem precedentes na história tecnológica. A forma como enfrentarmos estes desafios definirá o futuro da IA e a sua integração na sociedade.

A inteligência artificial é muito mais do que uma ferramenta tecnológica; é um domínio em constante evolução que levanta questões sobre a nossa relação com a tecnologia, a criatividade, o ambiente e a ética. 

Com cada avanço da IA, não só expandimos as nossas capacidades tecnológicas, como também a nossa compreensão do que significa ser humano numa era cada vez mais digitalizada. 

À medida que continuamos a explorar e a desenvolver estas tecnologias, é crucial manter uma perspetiva informada e consciente sobre os aspectos menos conhecidos e mais profundos da inteligência artificial.

Gestão de activos na era atual: principais desafios e estratégias

No mundo dinâmico de hoje, a gestão de activos enfrenta desafios únicos e oportunidades interessantes. Este artigo da ENEB explora a forma como os gestores de activos podem navegar com sucesso no cenário económico e tecnológico em mudança, utilizando estratégias inovadoras e adaptativas.

Adaptação à economia global em mudança

A globalização teve um impacto profundo na gestão de activos. Com os mercados financeiros mais interligados do que nunca, os gestores devem ser astutos na compreensão das tendências globais e da sua influência nos activos locais e regionais. É essencial manter-se informado sobre os acontecimentos internacionais e o seu potencial impacto nos mercados.

Adaptar-se à economia global em mudança

A globalização teve um impacto profundo na gestão de activos. Com os mercados financeiros mais interligados do que nunca, os gestores devem ser astutos na compreensão das tendências globais e da sua influência nos activos locais e regionais. É essencial manter-se informado sobre os acontecimentos internacionais e o seu potencial impacto nos mercados.

O papel crucial da tecnologia na gestão de activos

A tecnologia revolucionou a gestão de activos, oferecendo novas ferramentas de análise, previsão e gestão de riscos. A Inteligência Artificial e o Big Data estão a permitir que os gestores tomem decisões mais informadas e atempadas. A adoção destas tecnologias é crucial para manter uma vantagem competitiva.

Estratégias de investimento num mundo pós-pandémico

A recente pandemia mundial alterou os padrões de investimento e de consumo, criando novos sectores de investimento e deslocando outros. Os gestores de activos devem ser ágeis para identificar e capitalizar estas novas oportunidades, bem como para atenuar os riscos associados aos sectores em declínio.

Sustentabilidade e gestão de activos

A sustentabilidade tornou-se um fator-chave na tomada de decisões de investimento. Os investidores estão cada vez mais interessados na forma como as empresas abordam as questões sociais e ambientais. A integração de critérios de sustentabilidade na estratégia de gestão de activos não só é ética, como também pode melhorar o desempenho a longo prazo.

Desafios regulamentares e de conformidade

O ambiente regulamentar para a gestão de activos está em constante evolução. Manter-se atualizado em relação aos regulamentos locais e internacionais e garantir a conformidade é essencial para evitar sanções e preservar a reputação.

Preparar os líderes do futuro

Na ENEB, compreendemos a importância de preparar os líderes empresariais para estes desafios. Os nossos programas não só ensinam os fundamentos da gestão de activos, mas também enfatizam a importância da adaptabilidade e da inovação num mundo financeiro em constante mudança. Dotamos os nossos alunos das competências e dos conhecimentos necessários para liderar com sucesso a área da gestão de activos, em qualquer ambiente económico ou tecnológico que possam enfrentar.

Resiliência empresarial: o que os empresários podem aprender com a história e a tradição do Carnaval

A resiliência empresarial é essencial para navegar no turbulento mundo dos negócios. Olhar para a história e a tradição do Carnaval pode proporcionar uma visão única sobre como construir empresas fortes e adaptáveis. 

A ENEB quer dar-lhe a conhecer estas lições, ligando a rica história do Carnaval a estratégias empresariais modernas, por isso vamos começar.

Compreender a resiliência através do Carnaval

O Carnaval, com a sua alegria e cor transbordantes, oferece mais do que entretenimento. Incorpora lições de adaptabilidade, inovação e comunidade que são aplicáveis ao mundo dos negócios.

História e significado do Carnaval

Antes de nos debruçarmos sobre as lições específicas que o Carnaval oferece, é importante compreender a sua origem e evolução. Esta festa não só celebra a vida com a sua alegria exuberante, como também tem demonstrado uma capacidade notável de adaptação e sobrevivência ao longo dos séculos.

Lições de adaptabilidade e criatividade

O Carnaval ensina-nos a importância de sermos flexíveis e criativos. Através da sua constante evolução, este festival mostra como se adaptar à mudança sem perder a sua essência, uma competência inestimável para os empresários no atual ambiente empresarial dinâmico. 

Aplicar as lições do Carnaval no empreendedorismo

Para além dos desfiles e das fantasias, o Carnaval oferece lições profundas sobre como construir e manter empresas resilientes.

Resiliência perante a adversidade

O Carnaval tem enfrentado desafios históricos, desde epidemias a proibições, e ainda assim tem prosperado. Esta capacidade de superar as adversidades é essencial para os empresários que procuram construir negócios sustentáveis a longo prazo.

A importância da comunidade

Um dos maiores pontos fortes do Carnaval é o seu foco na comunidade. Esta secção destaca como o espírito de colaboração e apoio mútuo do Carnaval pode servir de modelo para a construção de uma cultura empresarial forte e resistente.

Estratégias para promover a resiliência empresarial inspiradas no Carnaval

As seguintes estratégias são inspiradas nas práticas e filosofias que mantiveram o Carnaval vibrante ao longo dos anos, fornecendo uma estrutura para a resiliência empresarial.

Promover a inovação contínua

A reinvenção constante do Carnival sublinha a importância da inovação nos negócios. Esta secção explora a forma como as empresas podem manter-se competitivas e relevantes através da promoção de um ambiente que valorize e promova a inovação contínua.

Construir e manter a flexibilidade operacional

A flexibilidade e a adaptabilidade são fundamentais para a sobrevivência do Carnaval e podem ser aplicadas igualmente bem a nível empresarial. Aqui discutimos como as empresas podem desenvolver flexibilidade operacional para enfrentar desafios inesperados.

Celebrar a diversidade e a inclusão

O Carnaval é uma prova do poder da diversidade e da inclusão. Esta secção abordará a forma como a incorporação destes valores na cultura empresarial pode enriquecer a inovação e a resiliência de uma empresa. 

Resiliência empresarial inspirada no Carnaval

O Carnaval, com a sua rica história de adaptabilidade, inovação e comunidade, oferece lições valiosas para os empresários. 

Ao aplicar estes princípios, as empresas podem não só sobreviver a tempos difíceis, mas também prosperar e celebrar o sucesso num mundo em constante mudança, tal como o Carnaval tem feito ao longo da história.

Elevator Pitch: o que é e como o aperfeiçoar?

Elevator Pitch: o que é e como o aperfeiçoar?

No mundo dinâmico dos negócios, causar uma impressão memorável num curto espaço de tempo pode ser a chave para o sucesso. É aqui que entra em jogo o conceito de elevator pitch. Neste artigo, o ENEB explora o que é um elevator pitch, a sua relevância no domínio profissional e dá dicas práticas para aperfeiçoar esta competência essencial.

O que é um elevator pitch?

Um elevator pitch é um discurso curto e persuasivo utilizado para despertar o interesse pela oferta da sua empresa, produto ou ideia. O termo vem da ideia de encontrar alguém importante num elevador e ter apenas o tempo dessa curta viagem para apresentar a sua ideia de uma forma convincente.

Elementos-chave de um discurso de elevador eficaz

Nesta secção, vamos analisar os componentes essenciais que tornam um discurso de elevador impactante e memorável.

Clareza e concisão

Um bom elevator pitch é claro e direto. Deve ser capaz de explicar a sua proposta de valor de forma simples e em menos de um minuto.

Persuasão e paixão

Transmita o seu entusiasmo e paixão. Uma apresentação convincente é aquela que demonstra o seu empenho e crença no que está a oferecer.

Objetivo e apelo à ação

Defina claramente o que procura: uma reunião, um investimento, uma parceria. Termine com um apelo à ação que convide o seu interlocutor a dar o passo seguinte.

Dicas para aperfeiçoar o seu discurso de elevador

Aqui oferecemos dicas práticas para melhorar a sua capacidade de criar e apresentar um discurso de elevador bem sucedido:

  • Personalização e adaptação: Adapte o seu discurso ao seu público. Personalizar a sua mensagem de acordo com a pessoa com quem está a falar pode fazer uma grande diferença.
  • Prática e feedback: Pratique o seu discurso repetidamente. Procure obter feedback de colegas ou mentores para aperfeiçoar a sua abordagem.
  • Histórias e exemplos: Utilize histórias ou exemplos para ilustrar a sua mensagem. Isto torna a sua apresentação mais cativante e memorável.
  • Prepare-se para as perguntas: Esteja preparado para responder a perguntas. Uma boa apresentação conduz frequentemente a um diálogo mais profundo.

Diploma de Especialização em Inovação e Gestão de Projectos da ENEB

Na ENEB, compreendemos a importância de uma comunicação eficaz no mundo dos negócios. Por isso, todos os nossos programas têm as ferramentas necessárias para que os nossos alunos desenvolvam as suas capacidades de comunicação e sejam capazes de desenvolver um elevator pitch que não só apresente a sua ideia, mas também abra portas a novas oportunidades. Um empresário de sucesso precisa não só de uma grande ideia, mas também da capacidade de a comunicar eficazmente.

É por isso que, ao concluírem um programa ENEB, os licenciados, para além do seu Mestrado e do Certificado do Programa de Inglês Comercial, obtêm um Diploma de Especialização em Inovação e Gestão de Projectos, porque durante a sua formação na escola aprendem a funcionar em qualquer ambiente e a apresentar as suas ideias da melhor forma possível.
Aprender a fornecer uma orientação abrangente sobre como criar e apresentar um elevator pitch eficaz é fundamental no mundo dos negócios para causar uma impressão memorável num curto espaço de tempo. O ENEB incentiva e ensina todas as técnicas para uma comunicação empresarial eficaz e prepara os seus alunos para enfrentar com êxito estes desafios.

Competências-chave para o empresário moderno

O mundo dos negócios está em constante evolução e os empresários modernos enfrentam desafios únicos que exigem competências específicas para serem bem sucedidos num ambiente competitivo e dinâmico. Neste artigo, exploramos as competências-chave que são fundamentais para o empresário contemporâneo. Da adaptabilidade à inteligência emocional, estas competências não só impulsionam o crescimento do negócio, como também fomentam a inovação e a resiliência.

Competências de adaptação num ambiente em mudança

A capacidade de adaptação a ambientes em mudança é essencial para qualquer empresário moderno. Num mundo empresarial em rápida evolução, aqueles que conseguem ajustar as suas estratégias de acordo com as exigências do mercado têm uma vantagem significativa. Esta capacidade implica ser proactivo na identificação de tendências emergentes, compreender a tecnologia atual e estar disposto a ajustar o rumo quando necessário.

Inteligência tecnológica

Na era digital, a inteligência tecnológica é crucial. Os empresários têm de estar cientes das últimas tendências tecnológicas que afectam o seu sector e da forma como estas podem influenciar os seus modelos de negócio. Desde a utilização eficaz de ferramentas de análise de dados até à implementação da inteligência artificial, a inteligência tecnológica permite aos empresários aproveitarem as oportunidades e manterem-se competitivos.

Flexibilidade estratégica

A flexibilidade estratégica implica a capacidade de ajustar os planos e as estratégias em função da evolução das circunstâncias. Os empresários bem sucedidos não se mantêm rigidamente fiéis a um plano original, mas estão dispostos a mudar de direção quando necessário. Esta capacidade envolve não só a adaptação a novas oportunidades, mas também a aprendizagem com os fracassos e o reajustamento da estratégia em conformidade.

Competências de comunicação e de trabalho em rede

A comunicação eficaz e a criação de redes fortes são competências essenciais para qualquer empresário moderno. A capacidade de transmitir ideias com clareza, persuadir investidores e colaboradores e construir relações fortes com clientes e parceiros são elementos-chave para o sucesso empresarial.

Comunicação Persuasiva

A comunicação persuasiva envolve a capacidade de apresentar ideias de uma forma convincente. Quer se trate de procurar investidores, de vender produtos ou de colaborar com outros empresários, a capacidade de comunicar de forma persuasiva é essencial. Isto inclui não só competências verbais, mas também a capacidade de criar apresentações eficazes e de utilizar meios visuais de uma forma impactante.

Construção de redes

A criação de redes fortes é fundamental para o crescimento empresarial. Os empresários de sucesso cultivam relações com outros profissionais do sector, mentores e potenciais colaboradores. A criação de uma rede forte não só proporciona oportunidades de negócio, como também um sistema de apoio inestimável.

Inteligência emocional e gestão do stress

A inteligência emocional é cada vez mais reconhecida como uma competência fundamental no mundo dos negócios. Os empresários modernos devem ser capazes de compreender e gerir as suas próprias emoções, bem como as dos outros, para tomar decisões informadas e construir relações fortes.

Autoconsciência e autorregulação

A autoconsciência envolve a compreensão das emoções e da forma como estas afectam as decisões e as acções. A autorregulação, por outro lado, envolve a capacidade de controlar e dirigir essas emoções de uma forma positiva. Os empresários emocionalmente inteligentes conseguem ultrapassar os desafios com calma e tomar decisões informadas em situações de grande pressão.

Empatia e competências sociais

A empatia é essencial para construir relações fortes com os empregados, clientes e parceiros comerciais. A capacidade de compreender e responder às necessidades e preocupações dos outros contribui para um ambiente empresarial positivo. Fortes competências sociais facilitam a criação de equipas eficazes e de relações duradouras.

Resolução criativa de problemas e pensamento crítico

O ambiente empresarial moderno está repleto de desafios complexos que exigem soluções inovadoras. Os empresários devem ser capazes de abordar os problemas com criatividade e pensamento crítico para encontrar soluções eficazes.

Pensamento crítico

O pensamento crítico envolve a análise objetiva da informação e a obtenção de conclusões fundamentadas. Os empresários devem ser capazes de avaliar as situações de diferentes perspectivas e tomar decisões com base em dados e provas.

Resolução criativa de problemas

A resolução criativa de problemas implica encontrar soluções inovadoras para os desafios empresariais. Os empresários de sucesso encaram os problemas como oportunidades de inovação e estão dispostos a experimentar novas ideias para encontrar soluções eficazes.

Tendências emergentes no mundo das finanças

O mundo financeiro está a passar por mudanças significativas, impulsionadas por uma série de tendências emergentes. Estas transformações afectam tudo, desde a tecnologia às expectativas dos consumidores, moldando um cenário financeiro mais dinâmico. 

Aqui estão algumas das tendências mais proeminentes que estão a definir a evolução das finanças modernas.

Tecnologia de cadeia de blocos e criptomoedas

O importante, neste momento, é ter a noção clara da descentralização e da segurança deste tipo de tecnologia, pelo que aqui fica uma explicação muito mais pormenorizada.

Descentralização e segurança

A tecnologia Blockchain, que está na base de criptomoedas como a Bitcoin e a Ethereum, revolucionou a segurança e a descentralização das transacções financeiras. A confiança e a transparência que proporciona estão a alterar a perceção convencional das transacções financeiras.

Fintech: Inovação financeira

Esta secção fornece informações sobre os seguintes aspectos:

Acesso democrático aos serviços financeiros

As empresas de tecnologia financeira, conhecidas como fintech, estão a desafiar o status quo, fornecendo soluções inovadoras para a gestão financeira. 

Desde aplicações de investimento a plataformas de empréstimo entre pares, as fintech estão a democratizar o acesso aos serviços financeiros, tornando a gestão do dinheiro mais eficiente e acessível.

Integração de pagamentos e serviços bancários móveis

No mundo das fintech, a integração de pagamentos e a banca móvel estão a revolucionar a forma como as pessoas realizam as suas transacções diárias. A conveniência de efetuar pagamentos através do telemóvel está a ganhar terreno rapidamente.

Sustentabilidade financeira

Investimento Sustentável e Critérios ESG

A sustentabilidade não se limita à esfera ambiental; nas finanças, o investimento sustentável e a integração de critérios ESG (ambientais, sociais e de governação) estão a ganhar terreno. Os investidores procuram cada vez mais alinhar as suas carteiras com empresas que adoptam práticas éticas e sustentáveis.

Relatórios de impacto social e ambiental

Neste contexto, a apresentação de relatórios pormenorizados e a divulgação do impacto social e ambiental dos investimentos estão a tornar-se uma prática corrente. Este facto proporciona aos investidores uma visão mais completa e transparente dos efeitos das suas decisões financeiras.

Open Banking

Transformando a relação cliente-instituição

Os dados financeiros abertos, conhecidos como “open banking”, estão a remodelar a relação entre os consumidores e as instituições financeiras. Esta abordagem permite a criação de serviços financeiros mais personalizados e competitivos, garantindo simultaneamente a segurança e a privacidade dos dados.

Interconexão de serviços financeiros

Dentro do paradigma do open banking, a interligação dos serviços financeiros está a permitir aos utilizadores o acesso a uma gama mais vasta de produtos e serviços, construindo uma experiência financeira mais integrada.

No ENEB quisemos mostrar-lhe algumas destas tendências emergentes no mundo das finanças porque consideramos essencial que as conheça, um grande empresário precisa de saber tudo isto e ter os conceitos básicos claros.